Pages

sexta-feira, 30 de maio de 2014

Resultados da avaliação da alfabetização serão divulgados em junho

ABr
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou nesta terça-feira, 27 de maio, que os resultados da Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA) serão divulgados para as escolas em junho. A prova foi aplicada pela primeira vez em 2013, a 2,6 milhões de estudantes de 55 mil escolas. Os exames avaliaram os conteúdos de leitura, escrita e matemática dos alunos no final do ciclo da alfabetização.
 
Com a continuidade da aplicação da ANA nos próximos anos, os resultados de 2013 deverão ser utilizados para avaliar o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic), que visa a alfabetizar todas as crianças até os 8 anos de idade. O projeto começou a ser aplicado em sala de aula no ano passado.
 
Para que docentes e gestores escolares possam utilizar os resultados da ANA a fim de melhorar a alfabetização das crianças, o desempenho dos alunos será apresentado em níveis acompanhados do percentual de alunos e da explicação da aprendizagem correspondente a cada nível. As escolas também receberão dados sobre infraestrutura, corpo docente e nível socioeconômico dos estudantes, assim como terão acesso a dados de escolas na mesma região, mesma modalidade (campo/urbana) e sobre o nível socioeconômico dos alunos.
 
Provinha Brasil
O Inep também informou que os resultados da Provinha Brasil, que não é obrigatória, passarão a ser divulgados. A primeira avaliação ocorreu em 2008, a alunos do 2º ano do ensino fundamental, e são as escolas que aplicam e corrigem esses testes. Segundo o Inep, até 14 de outubro deste ano, os dados dessa avaliação deverão ser consolidados e disponibilizados para os gestores educacionais.
 
A área técnica de Educação da Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta aos gestores para que fiquem atentos, pois deverão receber solicitação no sentido de indicar um responsável pela Provinha Brasil, bem como cadastrar as informações no sistema do Instituto.

Fonte : CNM.

0 comentários:

Postar um comentário