Pages

sábado, 7 de junho de 2014

No Dia Nacional do Teste do Pezinho CNM alerta para necessidade do exame

Pref.Olinda (PE)
A triagem neonatal, também conhecida como teste do pezinho, costuma ser realizada na própria maternidade ou hospital onde o bebê nasceu, entre o 3.º e o 7º dia de vida. O dia 6 de junho foi instituído como o Dia Nacional do Teste do Pezinho. Para lembrar a data a Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta para a necessidade do exame.

O exame feito a partir de sangue coletado do calcanhar do bebê permite identificar doenças graves, como: o hipotireoidismo congênito (glândula tireoide do recém-nascido não é capaz de produzir quantidades adequadas de hormônios), a fenilcetonúria (doença do metabolismo) e as hemoglobinopatias (doenças que afetam o sangue – traço falcêmico e doença falciforme).
A CNM explica que na rede pública e em postos de saúde de todo País, a triagem básica é gratuita, mas sua abrangência e o tipo de doenças a mais incluídas no teste variam de Estado para Estado. Em hospitais e maternidades particulares, ele geralmente é pago.
Obrigatório 
O teste é obrigatório por lei em todo o território nacional. Alguns Municípios, inclusive, não permitem que a criança seja registrada em cartório se não tiver feito o Teste do Pezinho anteriormente.

A Confederação alerta que caso a criança não faça o teste e seja portador de alguma dessas doenças e não for tratado convenientemente, certamente desenvolverá problemas no desenvolvimento físico e mental.
Fonte : CNM.

0 comentários:

Postar um comentário