Pages

sábado, 14 de junho de 2014

Brasil Eleitor destaca quatro anos da Lei da Ficha Limpa

O Brasil Eleitor desta semana  vai mostrar as  comemorações do aniversário de quatro anos da Lei da Ficha Limpa (LC 135/2010). Fruto de iniciativa popular, a norma determina a inelegibilidade de políticos que foram condenados por processos criminais em segunda instância, cassados ou que tenham renunciado antes da cassação. O programa Brasil Eleitor  vai ao ar pela TV Justiça neste domingo (15), às 20h30.
Esta edição mostra ainda que o eleitor pode ser punido com quatro anos de reclusão e multa se for comprovado o oferecimento de qualquer tipo de benefício por candidato.
Antes de disputar as eleições, o candidato deve ser escolhido em convenção por seu partido político para concorrer a umas das vagas de presidente da Republica, governador, senador , deputado federal, estadual ou distrital . O Brasil Eleitor desta semana vai explicar como funcionam as convenções, que podem ser realizadas até 30 de junho.  
Quem quiser contribuir com a Justiça Eleitoral no dia da eleição pode  se candidatar para ser  “Mesário Voluntário”. Esta edição explica o que é necessário para se inscrever, além de mostrar quais são os benefícios para quem contribuir para a realização do pleito.  Os mesários têm direito, por exemplo, a dois dias de folga para cada um de trabalho ou de treinamento; certificado de horas para universitários; e preferência em desempate em concursos. Para obter maiores informações acesse o Canal do Mesário.
Esta edição destaca também como a arte conscientiza os jovens a pensar no bem comum votando consciente nas Eleições de 2014.
Alcance
O Brasil Eleitor é produzido sob a supervisão da equipe de jornalismo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sendo transmitido por 40 emissoras de TV de todo o país. O programa também está disponível no canal oficial do TSE no YouTube, no endereço www.youtube.com/justicaeleitoral. Confira os dias e horários de reprise do Brasil Eleitor pela TV Justiça: segunda, às 9h; quarta, às 18h; quinta, às 9h; e sexta, às 5h.
Fonte : TSE.

0 comentários:

Postar um comentário